Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu Diário Anti Cancro

Este é o meu cancro. Não há cancros iguais. Aqui partilho alegrias, tristezas, conquistas e desafios.

O meu Diário Anti Cancro

Este é o meu cancro. Não há cancros iguais. Aqui partilho alegrias, tristezas, conquistas e desafios.

23
Mar19

Preparar o Apoio Anti Cancro

Sónia Azevedo

Crie o seu grupo de Apoio Anti Cancro

 

Há dias mais difíceis que outros. Por vezes damos por nós bloqueados sem saber o que fazer. Temos medos, incertezas, angustias e sentimos que estamos perdidos num vazio sem fim.

 

Mas temos que seguir em frente. Temos que reagir e lutar. Lutar por nós e pela nossa felicidade. O cancro não é uma sentença de morte. O cancro pode mudar a nossa vida para melhor. Pode ser um inicio de algo bom, de algo melhor.

 

Mas para percorrer este caminho não o temos que fazer sozinhos. No meu primeiro cancro, não disse nada a ninguém, porque não queria preocupar família e amigos.

 

Neste já estou a fazer de forma diferente. A família e amigos sabem da doença e estou a criar o meu grupo de apoio anti cancro.

 

Mas atenção. Não fique deprimido se determinada pessoa, com a qual contava, se afaste ou não lhe dê o apoio que esperava. É porque não é a pessoa certa para o acompanhar neste caminho. As pessoas certas vão aparecer. Mas para além de olhar à sua volta, deve também olhar mais longe. 

 

O apoio tem que ser espontâneo e verdadeiro e muitas vezes vem de onde não espera.

 

Eu procurei ajuda numa das minhas paixões...os livros. E há um que realmente me ajudou a perceber que existem caminhos para superar esta fase. O livro chama-se VIDA ANTICANCRO.

 

Nesta fase deve ter o seu grupo de apoio para fazer várias coisas:

 

Apoio Prático:

Acompanhamento nas idas às consultas

Quem o vai ajudar na alimentação e outras necessidades nos primeiros dias após a cirurgia

 

Apoio Informativo:

Neste caso tenho toda a equipa médica onde me informam de tudo sempre que tenho alguma dúvida. Neste caso tenho uma excelente equipa de mulheres no IPO de Coimbra. Obrigada a todas. Tenho também alguém que é médica e amiga e que me têm dado muito apoio neste momento.

 

Apoio Motivacional:

Aqui não tinha nada nem ninguém, mas procurei uma associação e encontrei o Olha-te em Caldas da Rainha e após uma curta conversa fiquei logo mais motivada. É um espaço espectacular e onde sente muito amor e boas vibrações. Mas sobre esta experiência irei dedicar um post especial.

 

Apoio Emocional:

Por vezes nem sempre temos uma pessoa com quem podemos falar de tudo sem medos. Eu escolhi a minha psicóloga para me ajudar nesta parte, pois não encontrei outra pessoa com quem conseguisse partilhar tudo o que sinto.

 

Muito Importante:

Não se apoie numa única pessoa, pois ela não conseguirá fazer tudo por muito dedicada que ela seja, e além do mais, as pessoas que nos amam de verdade e que estão connosco neste processo também sofrem e por consequência também podem ficar emocionalmente esgotados.

 

Crie o seu grupo de apoio e não entre em pânico se achar que está sozinho e sem ninguém. Vai acabar por encontrar as pessoas certas, mesmo que não sejam as que estava à espera. 

 

4.jpg

 

8 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar